Multivibrador personal 17cm

  •  
  •  
  •  
  •  

Poderes

A vibração é ótima, Potente, e o formato é versátil te permite usa-lo pra mais de uma função.Se você está começando com os brinquedos eróticos aconselho a começar com este pois não vai te assustar e nem ao seu parceiro.

Desvantagens

 

O barulho irrita um pouco, e a textura não me agradou também principalmente quando se usa para penetrar, é liso e se for usar sozinha fica um pouco desconfortável por não ser maleável.

Conclusão

 

É bom, não ótimo, bom, para se masturbar ele faz o trabalho direitinho sempre me delicio com ele para usar em dupla é melhor ainda,

Descrição Técnica

Vibrador Personal Mult-speed 17cm de comprimento por 2,5 de circunferência com botão giratório regulador de velocidade na base. Formato projétil afunila na ponta, textura lisa não flexível.

 

Testando

Esse foi o primeiro produto que eu testei, mais deixe eu primeiro me apresentar. Sou a Mi Silvaltis, tenho 28 anos, sou formada em Téc de eletrônica Industrial e namoro há 10 anos, minha vida sexual sempre foi boa mais eu queria alguma coisa para melhorar ainda mais, as fantasias já estavam meio manjadas, e eu queria surpreende-lo com algo que nos fizesse literalmente subir pelas paredes, então comprei esse vibrador, ele é bacana, tem o formato de projétil o que não assustou o meu namorado, já que os homens tem aquela ideia de vibradores com o formato de pênis e nem o tamanho, comprei o de 17 cm porque eu não sabia se iria usa-lo para penetração ou para estimular o clitóris e o que posso dizer é que ele cumpriu o papel, para masturbação ele é bom você consegue chegar ao orgasmo razoavelmente rápido graças as 3 velocidades, ai você pode selecionar a velocidade que mais te agrada, eu pessoalmente gosto de ir na primeira, mais devagar e quando estou quase lá aumento logo pra ultima velocidade, ai meu amor é só esperar os olhinhos revirando uia! Dá pra usar tranquilamente com o parceiro, para dupla penetração, masturbação o que desejar.

  •  
  •  
  •  
  •  
comments powered by Disqus